Vereadores de Óbidos aprovam concessão de títulos de Honra ao Mérito ao pintor Jorge Mamede e ao prof. Igor Hamoy - AMAZOON NOTÍCIA

JURUTI 139 ANOS

Vereadores de Óbidos aprovam concessão de títulos de Honra ao Mérito ao pintor Jorge Mamede e ao prof. Igor Hamoy

Vereadores de Óbidos aprovam concessão de títulos de Honra ao Mérito ao pintor Jorge Mamede e ao prof. Igor Hamoy

Share This
Jorge Mamede, artistas plástico e Igor Hamoy, cientista (foto: divulgação/ Comunicação CMO) 

Obidenses são referências locais e internacionais em suas respectivas áreas de atuação.

Os obidenses Jorge Mamede e Igor Hamoy vão receber o título de Honra ao Mérito, concedido pela Câmara Municipal de Óbidos, no oeste do Pará, após aprovação na sessão ordinária desta terça-feira (19), dos decretos legislativos de autoria do vereador e presidente da Casa, Jalico Aquino (PL).

Jorge e Igor tem em comum o trabalho de destaque nas respectivas áreas de atuação. Jorge como artista plástico reconhecido regionalmente, e Igor como cientista, trabalho que o levou a integrar a lista dos 100 mais influentes do mundo.

Por nove votos a favor, um contrário e um nulo, os parlamentares aprovaram os decretos legislativos 02 e 03/2022 que concedem os títulos honoríficos. O Poder Legislativo deve marcar, posteriormente, a sessão solene para entrega das honrarias.

Jorge Mamede

Jorge Raimundo Mamede nasceu no dia 3 de outubro de 1949 na cidade de Óbidos, Estado do Pará. Filho de Enedina Mamede dos Santos e o pai, ignorado. Casado com a senhora Ana Cleide da Luz Prata, com quem teve quatro filhos.

Nunca frequentou escola pública, foi aluno da escola particular do conceituado educador Manoel Valente do Couto, com quem aprendeu a arte de ler, escrever e se relacionar bem com as pessoas.

Pintor plástico e letrista descobriu sua vocação aos dez anos de idade, e já aos treze anos, começou a pintar profissionalmente.

Igor Hamoy

O obidense Prof. Dr. Igor Hamoy integra a lista dos cientistas mais influentes do mundo, é graduado em Ciências Biológicas (2003) com mestrado (2006) e doutorado (2011) em Genética e Biologia Molecular pela Universidade Federal do Pará (UFPA), ambos cursos focados no desenvolvimento de ferramentas moleculares para avaliações genéticas em espécies amazônicas empregadas na piscicultura.

Realizou pós-doutorado em Bioinformática com projeto financiado pelo Conselho Nacional de Pesquisas (CNPq). Atualmente, é professor associado da Universidade Federal Rural da Amazônia (UFRA), onde é líder do grupo de pesquisa em genética de organismos aquáticos amazônicos do CNPq.

É também coordenador do Laboratório de Genética Aplicada, e coordenador do Programa de Pós-graduação em Biotecnologia Aplicada à Agropecuária, além de professor permanente do PPG em Aquicultura e Recursos Aquáticos Tropicais ambos da UFRA.

Tem experiência na área de Genética, com ênfase em Genética de Organismos Aquáticos e Genética Aplicada à Aquicultura, atuando principalmente nos seguintes temas: Genética Aplicada à Aquicultura, Genética de Populações de Peixes, Piscicultura de Espécies Amazônicas e Diversidade de Parasitas de Peixes Amazônicos.



Por:
Redação Amazoon Notícia
Com informações da Comunicação CMO

Nenhum comentário:

Postar um comentário