Aulas presencias estão suspensas na escola São José em Óbidos, após sete funcionários positivarem para Covid-19 - AMAZOON NOTÍCIA

MINERAÇÃO RIO DO NORTE

Aulas presencias estão suspensas na escola São José em Óbidos, após sete funcionários positivarem para Covid-19

Aulas presencias estão suspensas na escola São José em Óbidos, após sete funcionários positivarem para Covid-19

Share This
Foto/ Divulgação

A informação foi confirmada durante reunião realizada nesta quarta-feira, 24.


Estão suspensas até o dia 06 de dezembro, as aulas presenciais na Escola Estadual de Ensino Médio São José, em Óbidos, no oeste do Pará.

Uma reunião entre os profissionais do educandário, realizada na tarde desta quarta-feira (24) definiu a suspensão das atividades pedagógicas após sete funcionários, entre eles professores e equipe de apoio testarem positivo para Covid-19.

As aulas com a presença dos alunos nas salas de aula, haviam iniciado em outubro na escola São José.

O Amazoon Notícia não conseguiu contato com a direção da escola, para saber quais outras medidas devem ser adotadas para garantir a segurança dos demais servidores. 
 
Atualização

Em nota divulgada na noite de quarta-feira, a direção da escola confirmou a suspensão das atividades presenciais, mencionando que "surgiram casos de Covid-19 entre os professores e alguns alunos do educandário", o que motivou a decisão.

A nota informa ainda que as aulas serão realizadas de forma remota a partir desta quinta-feira (25) até o dia 6 de dezembro. A decisão foi tomada em conjunto com o Conselho Escolar e repassada para os pais e responsáveis dos alunos.

Maurício Hamoy

A outra escola de ensino médio em Óbidos, Professor Maurício Hamoy, localizada no bairro de São Francisco, também anunciou a adoção de medidas preventivas para garantir a continuidade do cronograma do ano letivo de 2021.

Ao contrário da escola São José, no Maurício Hamoy as atividades presenciais estão mantidas. Ainda assim, foi determinada que apenas 50% da capacidade total das salas de aula sejam usadas, para garantir o distanciamento social.

Os estudantes deverão apresentar a carteira de vacinação na portaria da unidade de ensino, e o uso de máscara passa a ser obrigatório em qualquer ambiente da escola.

Boletim

No boletim epidemiológico divulgado na tarde desta quarta-feira pela Secretaria de Saúde, foram confirmados 30 novos casos. Outros três pacientes foram reinfectados, totalizando 33 casos positivos nesta quarta.

Nenhum óbito foi confirmado nas últimas 24 horas, 152 pacientes suspeitos de terem sido infectados foram notificados, 302 estão em monitoramento.


O número de pacientes internados em leitos hospitalares diminuiu de 10 para nove. Outros 141 pacientes seguem em tratamento domiciliar.

Ainda segundo a boletim, há 6.889 casos confirmados em todo o município, 6.600 pessoas recuperadas, 139 óbitos e 5.329 pacientes considerados já recuperados da doença.


Por:

Amazoon Notícia


Nenhum comentário:

Postar um comentário