Em Faro, Vereador e Secretários constam na lista de Vacinação contra a Covid-19 - AMAZOON NOTÍCIA

FELIZ 2022

FELIZ 2022
Em Faro, Vereador e Secretários constam na lista de Vacinação contra a Covid-19

Em Faro, Vereador e Secretários constam na lista de Vacinação contra a Covid-19

Share This
Foto/ Reprodução- Farol do Tapajos

Após várias denúncias de casos de Fura-filas, a Câmara Municipal de Faro solicitou a Secretaria Municipal de Saúde a lista oficial das pessoas vacinadas na campanha de vacinação contra a Covid-19. Em resposta, a SEMSA de Faro, através do Ofício No 002/2021, enviou a lista e identificou-se que o constavam na lista dos vacinados um vereador e dois secretários.

Na lista o vereador Hildo Pereira Tavares aparece como voluntário e o Secretário de Educação Roosivelt Ireno Pimentel de Andrade, que consta como Motorista e a recém empossada secretária de Saúde Maria Edilza Farias Feijó, aparece encabeçando a lista é a de número 01 na lista.
 
Segundo ainda a denuncia,pessoas tomaram a vacina e não foram incluídas na lista, que o caso da Rosandra Pereira de Souza e Victor Brasil Irmão do Secretário Meio Ambiente de Meio Ambiente.
 
Pessoas que foram vacinadas mas não constam na lista de vacinação emitida pela secretaria de saúde.
 

Quem fura afila, se for servidor público ou ocupar cargo, pode responder:

a) Por Improbidade Administrativa;

b) Pelos crimes:

- Abuso de Autoridade (Lei nº 13.869/2019, art. 33, parágrafo único). Ocorre quando agentes públicos que não se encontram no rol de pessoas a serem vacinadas se valem do cargo ou função para se vacinar indevidamente.

- Concussão (CP, art. 316), quando alguém invoca seu cargo ou função para que seja descumprida a ordem de vacinação.

- Prevaricação (CP, art. 319) em situação que o servidor ou funcionário público que tem gestão sobre a dispensação da vacina se auto administra dose ou determina ser vacinado por interesse pessoal.

- Crime de Responsabilidade de Prefeito (art. 1º, do Decreto-Lei n.º 201/1967) quando a pessoa que desvia ou se apropria das vacinas é prefeito ou ele se utiliza do cargo para beneficiar pessoas ligadas a ele.

- Crime de Responsabilidade para o vereador (art. 7º, do Decreto-Lei n.º 201/1967) quando a pessoa se utilizar do mandato para a prática de atos de corrupção ou de improbidade administrativa.

Diante de tais fatos, cabe agora a Câmara Municipal de Faro, Ministério Público e Poder Judiciário apurarem os fatos e dar respostas devidas à população de Faro, em especial aos profissionais da saúde e pessoas que de fato estão entre o público alvo e que viram seus direitos serem subtraídos.
 
Farol do Tapajós
 
Victor Brasil Irmão do Secretário Meio Ambiente de Faro Arthur Brasil

 
 



 

Nenhum comentário:

Postar um comentário